A Telecom Italia quer fortalecer sua aliança em projetos industriais com a espanhola Telefónica, disse o diretor executivo da companhia italiana, Franco Bernabe, numa entrevista publicada hoje no site do jornal La Repubblica. Bernabe afirmou que as duas empresas fizeram progressos nos últimos 15 meses e que podem trazer sua cooperação para um nível mais elevado.

Ele descartou, no entanto, a possibilidade de uma fusão. "Digamos que a cooperação entre as duas companhias poderia estabelecer objetivos ainda mais ambiciosos", afirmou. "Não estou falando sobre uma fusão", ressalvou. "A fusão é um problema financeiro que não vai resolver os problemas industriais", acrescentou.

Bernabe também pediu aos principais acionistas da Telecom Italia mais cooperação e mais recursos para relançar a estratégia industrial da companhia. O acionista controlador da empresa é a holding Telco, que inclui a Telefónica e os bancos italianos Intesa Sanpaolo, Generali e Mediobanca. No Brasil, a Telecom Italia controla a operadora de telefonia móvel TIM.

A Telefónica opera a rede de telefonia fixa de São Paulo e divide com a Portugal Telecom o controle da operadora de telefonia móvel Vivo. As informações são da Dow Jones.

Fonte:
Yahoo Notícias