SÃO PAULO, 25 de setembro de 2008 - A demanda de etanol no Brasil crescerá 150% nos próximos dez anos, evoluindo de 25,5 bilhões de litros em 2008 para 63,9 bilhões de litros em 2017.

O aumento do consumo será sustentado fundamentalmente pela utilização do setor automotivo, onde o etanol representará, em 2017, cerca de 80% do volume total de combustíveis líquidos consumidos nos veículos leves que não usam diesel.

Essas projeções estão contidas no estudo 'Perspectivas para o etanol no Brasil', divulgado pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

De acordo com o estudo, a frota de veículos leves passará de 23,2 milhões de veículos em 2008 para 37,5 milhões em 2017. No mesmo período, a parcela do flex deve passar de 29,6% para 73,6%.

O álcool continuará sendo o combustível preferencial do usuário da categoria de veículos flex-fuel, com participação de 75% no mercado.

 

Fonte:
InvestNews
Gazeta Mercantil